Embral Leilões
Instagram
Twitter
Youtube
Facebook
Linkedin

Baixe nosso app

Google Play
App Store

Programa ajuda economizar água na produção leiteira

Home > Notícias > Programa ajuda economizar água na produção leiteira

O programa Boas Práticas Hídricas, desenvolvido em parceria entre a Nestlé e a Embrapa, motivou a economia de 56.841 milhões de litros de água na produção de leite.

Esse foi o volume que as mais de 1,4 mil propriedades leiteiras que participam da iniciativa deixaram de consumir em 2021, comparando-se ao ano de 2020. A estimativa foi calculada por meio de indicadores de eficiência hídrica medidos em uma amostra das unidades participantes.

As fazendas avaliadas estão localizadas no Paraná, Goiás, São Paulo e Minas Gerais. O monitoramento foi realizado mensalmente por meio de hidrômetros instalados em vários pontos de consumo.

Com ajuda dos técnicos, os dados coletados nos hidrômetros foram lançados em planilhas ou diretamente no aplicativo Leiteria, desenvolvido pela Nestlé para auxiliar na gestão das propriedades leiteiras.

O monitoramento também demonstrou que houve redução na quantidade de água utilizada na produção por litro de leite, um indicador de eficiência muito importante. Em 2021, nas fazendas monitoradas na amostra, foram ordenhadas 2.742.384 vacas, sendo produzidos pouco mais de 53 milhões de litros de leite.

Em relação a 2020, houve um aumento de 5% no número de animais e, ainda assim, diminuição de dois litros de água por vaca em lactação, e de um litro de água por litro de leite.

“Essas iniciativas de apoio à redução de uso de água na produção leiteira são essenciais para evoluirmos em nossa jornada de sustentabilidade no campo”, declara Barbara Sollero, gerente de Milk Sourcing da Nestlé Brasil. “O Programa traz uma visão integral em temas como gestão de água e resíduos, qualidade, bem-estar animal e cuidado com o meio ambiente, olhando para todos os diferentes aspectos que contribuem para a jornada do desenvolvimento rural”, informa.

“Quando falamos em eficiência hídrica na produção leiteira, almejamos produzir o mesmo litro de leite com menos litros de água. Conseguimos fazer isso de forma significativa no período avaliado, passando de 5,5 litros de água por litro de leite em 2020 para 4,5 litros em 2021, redução de 18%”, explica o pesquisador da Embrapa Julio Palhares.

 

Evolução das Boas Práticas Hídricas

 

Desde 2018, a Nestlé mantém o programa Boas Práticas Hídricas, com apoio às fazendas leiteiras e instalação de hidrômetros para ajudar a mensurar o uso de água na produção. Em 2019, 20 fazendas eram monitoradas com o equipamento; esse número passou para 60 em 2020 e para mais de 1.400 em 2021. Para o pesquisador, quantificar o uso de água é a primeira etapa para entender onde e como esse recurso é utilizado na propriedade. “Não tem como manejar o que não conhecemos. Para realizar o manejo hídrico da propriedade, saber o quanto consumimos de água é fundamental”, destaca Palhares.

O resultado da avaliação do programa demonstrou que apenas o monitoramento do consumo já foi suficiente para proporcionar ganhos de eficiência hídrica nessas propriedades.

No entanto, a ideia do programa é ir além e fazer com que os produtores internalizem as boas práticas hídricas no dia a dia. Por isso, em 2022, 20 fazendas foram selecionadas para a implantação das ações e monitoramento dos impactos nesse primeiro momento.  Para cada uma dessas fazendas, a Embrapa desenvolveu um plano de manejo ambiental – ações para redução do consumo de água e manejo de resíduos – adaptado de acordo com a realidade de cada uma, por prioridades, e com determinação de tempo para cumprimento das metas.

As fazendas vão servir de vitrine de manejo da água e resíduos com ganhos ambientais, econômicos e sociais.

Fazendas são exemplos em práticas de redução

 

Em uma propriedade, em Silvânia (GO), entre 2020 e 2021, ocorreu uma redução de 10% no consumo de água, mesmo com aumento significativo da produção de leite (crescimento de 19%) e da média diária de vacas em lactação (aumento de 15%). Segundo Palhares, há uma relação direta entre o número de vacas em lactação, a produção de leite e o consumo de água. Conforme esses índices variam, o consumo de água também deve alterar.

Nessa propriedade verificou-se o que seria a condição ideal: aumento da quantidade de leite e redução do consumo do recurso natural.  Houve uma redução de 21% no consumo de água por vacas em lactação: de 326 litros de água por animal ao dia em 2020 para 255 litros em 2021. Também houve queda no consumo do uso de água por litro de leite: de 14 litros de água por litro de leite ao dia em 2020 para 12 litros em 2021.

Para o pesquisador, esse caso demonstra que é possível manejar a água de forma mais eficiente sem comprometer os índices produtivos da atividade. Isso representa vantagens econômicas e ambientais para o produtor.

Em outra propriedade, em Araxá (MG), onde o produtor realiza três ordenhas ao dia e eram necessárias três lavagens do piso da sala de espera e da ordenha, o plano propôs a redução para apenas duas lavagens. Após a ordenha da noite, a recomendação foi fazer somente a raspagem do piso, o que já foi implementado. A prática de apenas raspar pode ser realizada sem afetar a biosseguridade do rebanho e a segurança física dos animais. A redução do número de lavagens, além de proporcionar a economia de água, também promove economia de energia e otimiza a mão de obra.

Outras ações previstas para a fazenda de Araxá são a instalação de hidrômetros individualizados para medir consumos dos bebedouros e da lavagem dos pisos e as alterações na rotina de aplicação dos dejetos na lavoura de milho como fertilizante, para dar maior segurança ambiental à propriedade.

Até a alimentação dos animais tem influência no consumo de água. Assim, o plano prevê que o produtor ajuste as dietas de acordo com as características produtivas dos bovinos. Dietas mal formuladas, por exemplo, com excesso de proteína ou de minerais, podem significar maior consumo de água. Os bebedouros também devem ser sempre checados para identificar e corrigir os vazamentos como os ocasionados por quebra de boias. Na hora da limpeza, quando possível, reutilizar a água para outros usos, como a lavagem dos pisos.

A propriedade de Araxá não possui sistema de captação e armazenamento da água da chuva. O uso da cisterna significa menor consumo da água do poço e, consequentemente, menor consumo de energia elétrica para movimentar a água. A cisterna, de acordo com Palhares, não significa economia de água, mas substituição da fonte subterrânea pela da chuva, o que é ambientalmente recomendável. O plano ainda conta com ações para reduzir o consumo na residência do produtor.

O resultado do impacto dessas ações será avaliado em 2023. De acordo com o pesquisador, espera-se reduzir o consumo total de água das propriedades, dar maior eficiência hídrica e otimizar os aspectos agronômicos, ambientais e econômicos do uso de resíduos como fertilizante.

Fonte: Embrapa

CompartilharCompartilhar

Mais Notícias

Método que auxilia o produtor a monitorar e aument...

Método que auxilia o produtor a monitorar e aument...

Você conhece, as doenças mais comuns na pecuária l...

Métodos de manejo de carrapato bovino

Carrapato bovino

Boa estruturação do rebanho é fundamental para o s...

Entre as riquezas que vêm do agronegócio, o leite ...

Você sabia que alguns fatores do manejo, podem int...

Saiba como identificar, tratar e prevenir a cetose...

Como manter alta produção leiteira no inverno.

Sorgo vira alternativa para alimentar gado leiteir...

Como evitar prejuízos durante secagem do leite em ...

Entenda como a cabotagem pode reduzir custos dos f...

Projeto de lei cria um indicador para medir variaç...

Programa ajuda economizar água na produção leiteir...

Qual o impacto da Guerra no Agronegócio?

Alerta!!! Alteração no calendário de vacinação do...

Como baratear a alimentação do Gado Leiteiro

Gir Leiteiro e sua história no País.

O Manejo nutricional de vacas leiteiras.

A importância da Vacinação do rebanho leiteiro e a...

O crescimento da produtividade das fazendas leitei...

Como prevenir e tratar afecções podais em bovinos

Sustentabilidade no agronegócio Brasileiro

Nutrição para gado de leite

Melhora da taxa de prenhez com monitoramento do ga...

O que é a Mastite Subclínica e como ela impacta na...

Sustentabilidade no agronegócio Brasileiro

Protagonismo do agronegócio

A importância econômica do gado de leite

Fiagro trará recursos para o pequeno e médio inves...

Como investir no agronegócio sem ser dono de fazen...

Agronegócio bate recorde de exportações em 2021.

Nitrogênio Ureico do Leite (NUL): Como essa ferram...

O Agro 4.0 na prática: o campo na era da transform...

Após 2 décadas, Brasil faz exportação experimental...

O Brasil faz o 1º embarque de café carbono neutro

Raça Jersey sua história desde a origem

Girolando a história da raça que mudou a produção ...

Brasil apresentou agronegócio tecnológico e limpo

A retomada dos financiamentos - Em quatro meses, c...

Qual o caminho para o lucro na pecuária, nos próxi...

Plano Safra: como se preparar para alterações no c...

Governo prepara programa de expansão da bacia leit...

Fundos voltados ao agronegócio

Energia solar e o agronegócio

Governo publica MP que facilita a compra de milho ...

Suplemento mineral para bovinos de leite

Seguro rural e a revolução da gestão de risco no c...

Fundos, ações, recebíveis: como investir no agrone...

Imposto sobre Propriedade Rural: veja perguntas e ...

Aplicativo Girolando é lançado durante encontro vi...

Gir Leiteiro - Você conhece as raças mais indicada...

Gado Holandês - Conheça as Raças de Leite do Brasi...

Febre aftosa: Prazo para declarar a vacinação de b...

O que é coronavírus? (COVID-19)

GOLPISTAS USAM SITES DE LEILÃO DE CARROS

RECORD NA MODALIDADE EM LEILÕES ON LINE

Banco do Brasil atende ABRALEITE Abraleite

Fazenda Casa de Leite anuncia que alçará novos voo...

Fazenda de Descalvado recebe prêmio na Espanha por...

***SUCESSO*** LEILÃO MENGE GADO HOLANDÊS

Equipe Embral | Dream Team do Leite

Equipe Embral | Dream Team do Leite

Equipe Embral | Dream Team do Leite

Maior leilão de gado holandês PO já realizado no B...

***SUCESSO*** LEILÃO SITIO CÓRREGO DA PRATA

***SUCESSO*** LEILÃO FENASUL

***SUCESSO*** LEILÃO FAZENDA LAJE

***SUCESSO*** LEILÃO FAZENDA CACHOEIRA | WAGYU JEN

***SUCESSO*** LEILÃO FAZENDA TUCANO

***SUCESSO*** LEILÃO MARAVILHAS DO CERRADO

***SUCESSO*** LEILÃO TRADIÇÃO

****SUCESSO AGROPECUÁRIA BARÃO****

****SUCESSO FAZENDA BARREIRO BRANCO****

Sucesso Leilão OnLine Sitio Meu Ranchinho

***SUCESSO*** LEILÃO FAZENDA AGRINDUS

***SUCESSO*** LEILÃO TERRA DO JERSEY

***SUCESSO*** LEILÃO FAZENDA Santa Tereza

Gir e Girolando Bey | Fazenda Lapa Vermelha | Suce...

Grupo FIORE | Grande Sucesso !!

2 Leilões com 100% vendas | Liquidez Total

Seu rebanho está registrado?

***SUCESSO*** LEILÃO SRC FARMS

Dia Internacional da Mulher

BAIXE O APP DA EMBRAL | NOVO APP

Homenagem ao Saudoso Sr Waldir Junqueira de Andrad...

Reconhecimento | Momento Embral

Reconhecimento | Momento Embral

Reconhecimento | Momento Embral

Leilão Flor da India | Sucesso Absoluto

Leilão Majuar | Sucesos Absoluto

Lider de Mercado

Leilão Virtual | Terra Viva e Embral TV | Sábado 1...

Resultado do 1º Leilão Tradição Indubrasil

Leilão Faz Lajinha com 100% venda

Tradição da Família Junqueira

Gostou da notícia?



close

Atualizamos nossa política de cookies

Utilizamos cookies para que o site possa funcionar, para melhorar a sua navegação, personalizar conteúdo apresentado a Você, bem como para obter informações estatísticas sobre o uso do site.

Saiba mais no Termo de Privacidade.