Embral Leilões
Instagram
Twitter
Youtube
Facebook
Linkedin

Baixe nosso app

Google Play
App Store

Métodos de manejo de carrapato bovino

Home > Notícias > Métodos de manejo de carrapato bovino

São pelo menos três os principais problemas decorrentes de uma alta infestação por carrapatos na bovinocultura leiteira. Primeiro, o próprio hábito hematófago do carrapato, que pode causar uma perda constante de sangue, além da alta infestação, em especial em bezerros, o que pode levar à anemia e à morte. Isso por si só já é um grande problema.

Segundo, é o processo alérgico, que causa incômodo severo, impedindo o animal de se alimentar e, como consequência, há perda da capacidade leiteira. Por sua vez, a irritação na pele do animal pode promover feridas, as quais se tornam porta de entrada para outros parasitas e bactérias.

Terceiro, o carrapato é transmissor da babesia bovis, babesia bigemina e do anaplasma marginali, que são parasitas de hemácias. “Se o carrapato estiver infectado com esses micro-organismos, irá transmitir os hemoparasitas para o corpo do bovino e, por sua vez, estes irão parasitar as hemácias do animal, ou seja, os glóbulos vermelhos. Ao parasitar as hemácias, irão destruí-las e ocasionar uma doença gravíssima, a TPB (Tristeza Parasitária Bovina), que afeta, principalmente, bezerras em fases de desmama e pós-desmana. A TPB, devido à transmissão dos hemoparasitas, leva a uma alta incidência de morte. Quando um pecuarista de leite perde uma bezerra, ele está perdendo uma futura matriz leiteira”, afirma Camacho.

Além desses três maiores prejuízos diretos ao pecuarista, ocorrem na esteira prejuízos na indústria do couro. “As lesões, oriundas da coceira e de sangramentos, favorecem a postura de ovos de larvas de moscas, como as varejeiras, causando as conhecidas bicheiras (miíase), que além de causarem dor e desconforto ao animal, após a sua morte, leva a grandes perdas no processamento do couro”, diz.

Camacho cita, ainda, a contaminação do leite em função do uso equivocado de carrapaticidas, que expõe os produtores e/ou funcionários à inalação do produto. Portanto, as Boas Práticas Agropecuárias devem ser sempre seguidas, entre elas o uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e, principalmente, obedecer a indicação e a quantidade corretas do produto. Normalmente, a recomendação na embalagem é a diluição em quatro a cinco litros de calda por animal; como a maioria das bombas costais usadas pelos pecuaristas tem capacidade para 20 litros, então uma bomba pulveriza quatro ou cinco animais

Mas, na tentativa de economizar, muitas vezes o produtor usa 20 litros para pulverizar de 15 a 20 animais. Ao fazer isso, não acabará com a infestação, pois terá apenas feito uma ‘nebulização’ nos carrapatos. Os carrapatos não irão morrer, mas no contato com o carrapaticida aquela cepa começa a desenvolver resistência ao princípio ativo. Na próxima vez, o pecuarista usará mais produtos ou fará mais pulverizações, em um ciclo constante, interminável, prejudicial e caro. São essas e outras informações que procuramos repassar nas capacitações oferecidas aos produtores. destacando que, atualmente, há muita resistência aos carrapaticidas devido ao uso inadequado do produto. “Mas, na verdade, a reclamação constante em relação ao controle do carrapato deriva do uso errado ou equivocado dos produtos de controle”, alerta.

Há, ainda, outro fator que tem influência na maior infestação por carrapatos, e ocorre quando há um melhoramento genético do rebanho. O motivo é que o gado misto tem o componente das raças zebuínas, mais resistentes ao carrapato. Quando se usa a genética taurina, como a holandesa ou outras raças europeias para o aumento da produção de leite, é introduzido um “sangue mais doce”, ou seja, mais propício aos carrapatos, aumentando, dessa forma, as infestações. O produtor, ao melhorar a genética, deve estar atento a este fato para se antecipar ao problema e fazer o controle adequado.

Capacitar os produtores e fazê-los compreender o ciclo biológico e a aplicação correta de produtos, nas épocas adequadas, têm sido o maior desafio da extensão. “A maior ou menor infestação e os prejuízos vão depender dessa orientação e da aplicação das BPA pelo produtor”, orienta o técnico, que tem sido responsável por capacitar diretamente os produtores e também outros técnicos que atuam na extensão, para atingir o maior número possível de pecuaristas voltados à produção de leite, uma atividade encontrada em todas as regiões do estado de São Paulo.

Métodos de manejo de carrapato


  • Os banhos carrapaticidas devem ser feitos de acordo com a indicação da bula e em todo o corpo do animal, mesmo nas partes mais escondidas e no sentido contrário do pelo, de baixo para cima, próximo ao corpo do animal e contra o vento. O animal deve ser contido para um banho mais adequado;

  • As pulverizações, de cinco a seis, devem ser feitas em intervalos de, no máximo, 21 dias, para quebrar o ciclo no animal e diminuir a infestação futura nas pastagens. Há outros produtos, como os injetáveis, mas não são indicados para vacas leiteiras;

  • Evitar os horários de sol, dar preferência ao final da tarde, para não haver perda de produto;

  • Após o tratamento, a infestação irá diminuir de forma considerável, porém muitos animais podem continuar infestados, principalmente aqueles que têm “sangue doce”, na verdade, sangue europeu. Esses animais devem ser separados para continuar o tratamento;

  • Fazer os testes de resistência a carrapaticidas. Como os carrapatos vivem em uma única área, o mesmo carrapaticida que serve ao vizinho pode não ser o mais adequado para o rebanho do outro. É preciso saber qual o melhor carrapaticida para aquela situação específica. Os testes podem ser feitos em empresas e/ou faculdades; a Embrapa Gado de Leite, em São Carlos, realiza os testes gratuitamente;

  • Usar os carrapaticidas nas épocas mais adequadas. A época mais adequada é aquela em que os fatores de temperatura e umidade forem desfavoráveis aos micuins. O clima seco e quente é o ideal para o controle porque as larvas não sobrevivem muito nessas condições. No estado de São Paulo, essa condição é bastante variável de uma região para outra, então é preciso estar atento para esse fator que irá, com certeza, contribuir para a erradicação ou redução dos carrapatos nos animais e, consequentemente, nas pastagens.

Fonte: Embrapa

CompartilharCompartilhar

Mais Notícias

Método que auxilia o produtor a monitorar e aument...

Você conhece, as doenças mais comuns na pecuária l...

Métodos de manejo de carrapato bovino

Carrapato bovino

Boa estruturação do rebanho é fundamental para o s...

Entre as riquezas que vêm do agronegócio, o leite ...

Você sabia que alguns fatores do manejo, podem int...

Saiba como identificar, tratar e prevenir a cetose...

Como manter alta produção leiteira no inverno.

Sorgo vira alternativa para alimentar gado leiteir...

Como evitar prejuízos durante secagem do leite em ...

Entenda como a cabotagem pode reduzir custos dos f...

Projeto de lei cria um indicador para medir variaç...

Programa ajuda economizar água na produção leiteir...

Qual o impacto da Guerra no Agronegócio?

Alerta!!! Alteração no calendário de vacinação do...

Como baratear a alimentação do Gado Leiteiro

Gir Leiteiro e sua história no País.

O Manejo nutricional de vacas leiteiras.

A importância da Vacinação do rebanho leiteiro e a...

O crescimento da produtividade das fazendas leitei...

Como prevenir e tratar afecções podais em bovinos

Sustentabilidade no agronegócio Brasileiro

Nutrição para gado de leite

Melhora da taxa de prenhez com monitoramento do ga...

O que é a Mastite Subclínica e como ela impacta na...

Sustentabilidade no agronegócio Brasileiro

Protagonismo do agronegócio

A importância econômica do gado de leite

Fiagro trará recursos para o pequeno e médio inves...

Como investir no agronegócio sem ser dono de fazen...

Agronegócio bate recorde de exportações em 2021.

Nitrogênio Ureico do Leite (NUL): Como essa ferram...

O Agro 4.0 na prática: o campo na era da transform...

Após 2 décadas, Brasil faz exportação experimental...

O Brasil faz o 1º embarque de café carbono neutro

Raça Jersey sua história desde a origem

Girolando a história da raça que mudou a produção ...

Brasil apresentou agronegócio tecnológico e limpo

A retomada dos financiamentos - Em quatro meses, c...

Qual o caminho para o lucro na pecuária, nos próxi...

Plano Safra: como se preparar para alterações no c...

Governo prepara programa de expansão da bacia leit...

Fundos voltados ao agronegócio

Energia solar e o agronegócio

Governo publica MP que facilita a compra de milho ...

Suplemento mineral para bovinos de leite

Seguro rural e a revolução da gestão de risco no c...

Fundos, ações, recebíveis: como investir no agrone...

Imposto sobre Propriedade Rural: veja perguntas e ...

Aplicativo Girolando é lançado durante encontro vi...

Gir Leiteiro - Você conhece as raças mais indicada...

Gado Holandês - Conheça as Raças de Leite do Brasi...

Febre aftosa: Prazo para declarar a vacinação de b...

O que é coronavírus? (COVID-19)

GOLPISTAS USAM SITES DE LEILÃO DE CARROS

RECORD NA MODALIDADE EM LEILÕES ON LINE

Banco do Brasil atende ABRALEITE Abraleite

Fazenda Casa de Leite anuncia que alçará novos voo...

Fazenda de Descalvado recebe prêmio na Espanha por...

***SUCESSO*** LEILÃO MENGE GADO HOLANDÊS

Equipe Embral | Dream Team do Leite

Equipe Embral | Dream Team do Leite

Equipe Embral | Dream Team do Leite

Maior leilão de gado holandês PO já realizado no B...

***SUCESSO*** LEILÃO SITIO CÓRREGO DA PRATA

***SUCESSO*** LEILÃO FENASUL

***SUCESSO*** LEILÃO FAZENDA LAJE

***SUCESSO*** LEILÃO FAZENDA CACHOEIRA | WAGYU JEN

***SUCESSO*** LEILÃO FAZENDA TUCANO

***SUCESSO*** LEILÃO MARAVILHAS DO CERRADO

***SUCESSO*** LEILÃO TRADIÇÃO

****SUCESSO AGROPECUÁRIA BARÃO****

****SUCESSO FAZENDA BARREIRO BRANCO****

Sucesso Leilão OnLine Sitio Meu Ranchinho

***SUCESSO*** LEILÃO FAZENDA AGRINDUS

***SUCESSO*** LEILÃO TERRA DO JERSEY

***SUCESSO*** LEILÃO FAZENDA Santa Tereza

Gir e Girolando Bey | Fazenda Lapa Vermelha | Suce...

Grupo FIORE | Grande Sucesso !!

2 Leilões com 100% vendas | Liquidez Total

Seu rebanho está registrado?

***SUCESSO*** LEILÃO SRC FARMS

Dia Internacional da Mulher

BAIXE O APP DA EMBRAL | NOVO APP

Homenagem ao Saudoso Sr Waldir Junqueira de Andrad...

Reconhecimento | Momento Embral

Reconhecimento | Momento Embral

Reconhecimento | Momento Embral

Leilão Flor da India | Sucesso Absoluto

Leilão Majuar | Sucesos Absoluto

Lider de Mercado

Leilão Virtual | Terra Viva e Embral TV | Sábado 1...

Resultado do 1º Leilão Tradição Indubrasil

Leilão Faz Lajinha com 100% venda

Tradição da Família Junqueira

Gostou da notícia?



close

Atualizamos nossa política de cookies

Utilizamos cookies para que o site possa funcionar, para melhorar a sua navegação, personalizar conteúdo apresentado a Você, bem como para obter informações estatísticas sobre o uso do site.

Saiba mais no Termo de Privacidade.